Amai-vos uns aos outros

Resultado de imagem para Amai-vos uns aos outros

“Queridos irmãos, que a graça de Deus seja convosco. Vós tendes necessidade de ajudar-vos uns aos outros, seguindo o exemplo do Mestre e atendendo às vossas palavras que diz: “Amai-vos uns aos outros; façais aos outros  o que gostaria que os outros vos fizessem”. Se pudésseis orientar vossas vidas por estas palavras, certamente seríeis mais felizes e não haveriam tantos sofrimentos.

É necessário vos preocupar com as necessidades do vosso irmão, pois sabeis que a tendência do homem é atender aos próprios interesses e esquecer-se das necessidades daqueles que estão a sua volta. O que para vós é supérfluo, para vosso irmão, muitas vezes, é o sustento, capaz de conceder a ele uma vida mais digna.  

O egoísta não progride porque entende a vida e vê o mundo somente através de suas lentes, não sendo capaz de enxergar nada que vá além dos seus próprios interesses. Quantos são os necessitados deste vosso mundo, e podeis auxilia-los em muitas situações, levando-lhes o pão material e principalmente o pão espiritual, o único capaz de livra-lo das suas aflições. Poderia ser vós a viver esta situação, pois não conheceis plenamente a vossa intimidade, portanto, não sabeis das necessidades que tendes para ajustar vosso Espírito.

Se conhecêsseis os mecanismos que regem vossas vidas, saberíeis que todos vós tendes na vida as mesmas oportunidades e cabe a cada um de vós aprender a vivenciá-las, de maneira, que se hoje sois ricos, amanhã podereis viver na pobreza, se fordes irresponsáveis diante da vida e se não soubestes auxiliar os menos favorecidos deste vosso mundo.

Deixai que os governantes façam o que lhes cabe, porém vós não podeis vos esconder atrás destes homens que tem nas mãos grande responsabilidade. Façais a vossa parte cumprindo com vossos compromissos diante da vida, sem vos prenderdes às críticas que nada aliviam a dor dos que sofrem. Sede sinceros convosco mesmos, e busqueis olhar aqueles que sofrem, com piedade, e que este sentimento possa move-lo em benefício daqueles que, muitas vezes, só conhecem da vida a dor e a aflição.

Que o amor e a benção de Jesus possam estar entre vós e direcionar vossos passos rumo ao vosso irmão e que estejais imbuídos de boa vontade e disposição para amenizar a dor daqueles que sofrem”. – José Augusto.

Espírito: José Augusto
Grupo Espírita Bezerra de Menezes
São José do Rio Preto – São Paulo       Data da Publicação: 01/03/2002

Site:  Espiritismo – Farol da Vida

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s